jusbrasil.com.br
25 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Superior do Trabalho TST - RECURSO DE REVISTA: RR 427-97.2011.5.03.0035

Tribunal Superior do Trabalho
há 9 anos
Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
5ª Turma
Publicação
20/06/2013
Relator
Guilherme Augusto Caputo Bastos
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Decisão

Recorrente: JOICE RAMOS DA SILVA Advogado : Dr. Leonardo Oliveira Mokdeci Recorrido : INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE COLCHÕES CASTOR LTDA. E OUTRA Advogado : Dr. Habacuque Wellington Sodré GMCB/ean D E S P A C H O Por meio da petição nº 58731-09/2013, protocolizada em 26/04/2013, a reclamante requer seja corrigido erro material existente no dispositivo do v. acórdão Turmário. Com efeito, constata-se que não obstante tenha sido registrado quando da análise do mérito do recurso de revista, interposto pela reclamante, in verbis : Conhecido o recurso de revista por contrariedade à Súmula nº 164 e à Orientação Jurisprudencial nº 286 da SBDI-1, dou-lhe provimento para afastar a irregularidade de representação do recurso ordinário da reclamante e determinar o retorno dos autos ao egrégio Tribunal Regional de origem a fim de que prossiga no julgamento do apelo, como entender de direito (grifei), constou da parte dispositiva, in verbis : ACORDAM os Ministros da Quinta Turma do Tribunal Superior do Trabalho, por unanimidade, conhecer do recurso de revista por contrariedade à Súmula nº 164 e à Orientação Jurisprudencial nº 286 da SBDI-1, e, no mérito, dar-lhe provimento para afastar a irregularidade de representação do recurso ordinário da terceira reclamada e determinar o retorno dos autos ao egrégio Tribunal Regional de origem a fim de que prossiga no julgamento do apelo, como entender de direito. Portanto, é notória a existência de erro material na parte dispositiva do julgado impugnado, o qual pode ser sanado a qualquer tempo pelo relator, de ofício ou pela manifestação da parte, conforme ocorreu no caso concreto, nos termos dos artigos 897-A, parágrafo único, da CLT e 463, I, do CPC. Assim, acolhe-se à pretensão da reclamante para reconhecer a existência de erro material na parte dispositiva do acórdão impugnado, fazendo constar a seguinte redação: ACORDAM os Ministros da Quinta Turma do Tribunal Superior do Trabalho, por unanimidade, conhecer do recurso de revista por contrariedade à Súmula nº 164 e à Orientação Jurisprudencial nº 286 da SBDI-1, e, no mérito, dar-lhe provimento para afastar a irregularidade de representação do recurso ordinário da reclamante e determinar o retorno dos autos ao egrégio Tribunal Regional de origem a fim de que prossiga no julgamento do apelo, como entender de direito. Determino a republicação do inteiro teor do acórdão Turmário, cujo dispositivo deverá conter a nova redação citada. Publique-se. Brasília, 11 de junho de 2013. Firmado por assinatura digital (Lei nº 11.419/2006) CAPUTO BASTOS Ministro Relator
Disponível em: https://tst.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/929346413/recurso-de-revista-rr-4279720115030035