jusbrasil.com.br
28 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Superior do Trabalho TST - AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA: AIRR 520-66.2013.5.10.0012

Tribunal Superior do Trabalho
há 7 anos
Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
8ª Turma
Publicação
20/03/2015
Julgamento
18 de Março de 2015
Relator
Dora Maria Da Costa
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

A) AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA DOS RECLAMADOS.

1. FINANCIÁRIO. ENQUADRAMENTO. A decisão do Regional, apoiada na análise de fatos e provas cuja reapreciação é insuscetível nesta instância extraordinária, os quais evidenciaram que a 1ª reclamada é empresa que exerce atividades típicas de instituição financeira, não importa em violação direta do art. 17 da Lei 4.595/64, e, uma vez constatada a condição de instituição financeira da 1ª reclamada pelo Regional, a conclusão daquela Corte de que ao reclamante se aplica a jornada de trabalho dos empregados bancários, descrita no caput do art. 224 da CLT , reflete a aplicação do entendimento desta Corte sobre a matéria, consagrado na Súmula 55 do TST, a qual não foi contrariada pelo Regional. Aresto inespecífico. Incidência das Súmulas 126, 296 e 297 do TST. Agravo de instrumento conhecido e não provido. B) AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA DO RECLAMANTE. 1. ENQUADRAMENTO SINDICAL. BANCÁRIO. O Regional, com base na análise dos fatos e provas produzidos, não reconheceu a existência de terceirização ilícita, bem como evidenciou que a 1ª reclamada, empregadora do reclamante, ostentava a condição de instituição financeira. Assim, concluiu não se aplicar ao reclamante as normas coletivas das categorias dos bancários, mas apenas a jornada de trabalho descrita no caput do art. 224 da CLT. A decisão do Regional, tal como posta, não implica violação do art. , XXXII, da CF ou do art. 224 da CLT, mas reflete a aplicação do entendimento uniforme do TST quanto à matéria. Incidência das Súmulas 221 e 333 do TST.
2. DIVISOR 150. Inviável o prosseguimento da revista que se alicerça unicamente na indicação de divergência jurisprudencial, cujos arestos indicados para confronto de teses são inválidos e inservíveis, na medida em que ora não indicam a fonte de publicação da decisão , ora são provenientes do mesmo Regional cuja decisão é questionada. Incidência da Súmula 337 do TST e da OJ 111 da SDI-1 do TST. Agravo de instrumento conhecido e não provido.
Disponível em: https://tst.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/882149769/agravo-de-instrumento-em-recurso-de-revista-airr-5206620135100012

Informações relacionadas

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 9 anos

Tribunal Superior do Trabalho TST - EMBARGOS DECLARATORIOS RECURSO DE REVISTA: ED-RR 155000-58.2009.5.06.0010 155000-58.2009.5.06.0010

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 11 anos

Tribunal Superior do Trabalho TST - EMBARGOS DECLARATORIOS RECURSO DE REVISTA: ED-RR 549000-96.2007.5.12.0036 549000-96.2007.5.12.0036

Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região
Jurisprudênciahá 13 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região TRT-6 - RECURSO ORDINARIO: RO 0021885-51.2008.5.06.0017 PE 0021885-51.2008.5.06.0017