jusbrasil.com.br
21 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Superior do Trabalho TST - RECURSO DE REVISTA: RR 275-82.2012.5.04.0521 - Inteiro Teor

Tribunal Superior do Trabalho
há 7 anos
Detalhes da Jurisprudência
Publicação
DEJT 15/04/2015
Relator
Kátia Magalhães Arruda
Documentos anexos
Inteiro TeorTST_RR_2758220125040521_65a61.pdf
Inteiro TeorTST_RR_2758220125040521_6a884.rtf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Inteiro Teor

0105000002000000180000004d73786d6c322e534158584d4c5265616465722e362e3000000000000000000000060000d0cf11e0a1b11ae1000000000000000000000000000000003e000300feff090006000000000000000000000001000000010000000000000000100000feffffff00000000feffffff0000000000000000fffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffdfffffffeffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffffff52006f006f007400200045006e00740072007900000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000016000500ffffffffffffffffffffffff0c6ad98892f1d411a65f0040963251e5000000000000000000000000f0f30a046653cf01feffffff00000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000ffffffffffffffffffffffff0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000ffffffffffffffffffffffff0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000ffffffffffffffffffffffff0000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000000105000000000000Recorrente:ENGENHARIA DE TELECOMUNICAÇÕES E ELETRICIDADE LTDA. - ETE

Advogado :Dr. Andersson Virginio Dall'agnol

Recorrente:OI S.A.

Advogado :Dr. Walter Dantas Baía

Recorrido :DIMORVAN BALSANELO

Advogado :Dr. Carlos Roberto Nuncio

KA/ek/rf

D E S P A C H O

ADESÃO AO INCIDENTE DE UNIFORMIZAÇÃO DE JURISPRUDÊNCIA

-EFICÁCIA LIBERATÓRIA GERAL DO TERMO DE AJUSTAMENTO DE CONDUTA FIRMADO ENTRE AS PARTES PERANTE A COMISSÃO DE CONCILIAÇÃO PRÉVIA. DETERMINAÇÃO DE RETORNO DOS AUTOS PARA ANÁLISE DAS PARCELAS QUE CONSTAM NO PEDIDO FORMULADO NA PETIÇÃO INICIAL E QUE NÃO FAZEM PARTE DO ACORDO ENTABULADO-

Recurso de revista sob a vigência da Lei nº 13.015/2014.

O recurso de revista, regularmente interposto, oriundo do TRT da 4ª Região, pretende reformar a decisão recorrida, dentre outros temas, quanto à condenação em acordo firmado perante a comissão de conciliação prévia, sob o fundamento de que o reclamante deu quitação geral à reclamada, sem ressalvas, de todas as parcelas que foram objeto do acordo.

Os arts. 896, § 4º, da CLT e 2º, § 1º, da Instrução Normativa nº 37/2015, assim dispõem:

-Art. 896.

(...)

§ 4º. Ao constatar, de ofício ou mediante provocação de qualquer das partes ou do Ministério Público do Trabalho, a existência de decisões atuais e conflitantes no âmbito do mesmo Tribunal Regional do Trabalho sobre o tema objeto de recurso de revista, o Tribunal Superior do Trabalho determinará o retorno dos autos à Corte de origem, a fim de que proceda à uniformização da jurisprudência.- (grifos nossos).

Art. 2º

(....)

§ 1º. Os Ministros da Corte, cientes do ofício expedido pelo Ministro Presidente Tribunal Superior do Trabalho comunicando a suscitação de IUJ, suspenderão o julgamento de outros recursos de revista de sua relatoria, oriundos do mesmo Tribunal Regional do Trabalho, que versem sobre idêntica questão jurídica, e determinarão a devolução dos autos ao respectivo TRT, mediante decisão fundamentada, desde que tempestivo o recurso de revista, observadas as formalidades dos incisos II e III.

Conforme registrado no Ofício TST.GP nO 257, foi suscitado de IUJ alusivo ao mesmo tema impugnado pela parte, com a determinação de sobrestamento do processo no TST-RR-377-24.2012.5.04.0027, do Min. Rel. Walmir Oliveira da Costa, da 1ª Turma e a respectiva devolução ao TRT de origem.

Portanto, constatado o conflito de jurisprudência da Corte de origem, faz-se necessária a adesão ao Incidente de Uniformização, com o sobrestamento do recurso de revista e a devolução dos presentes autos ao TRT da 4ª Região, a fim de que aguarde o julgamento da uniformização de jurisprudência no âmbito daquele Regional.

Expeçam-se ainda os ofícios ao Presidente do TST e ao Ministro Presidente da Comissão de Jurisprudência e de Precedentes Normativos desta Corte, conforme previsto no art. 2º, II e III, da Instrução Normativa nº 37/2015.

Publique-se.

Brasília, 09 de abril de 2015.

Firmado por assinatura digital (MP 2.200-2/2001)

KÁTIA MAGALHÃES ARRUDA

Ministra Relatora


fls.


Disponível em: https://tst.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/181946363/recurso-de-revista-rr-2758220125040521/inteiro-teor-181946378